Carregando...
Carregando...

Notícias

Notícia

O empreendedorismo e a busca por sentido

A teoria desenvolvida pelo psiquiatra consiste na defesa de que, por mais que não possamos escolher sob quais circunstâncias estamos inseridos, podemos definir como reagiremos diante de todas elas, tendo em vista que temos uma responsabilidade perante nós e perante a vida.

Viktor E. Frankl foi um neuropsiquiatra nascido em 26 de março de 1905, na cidade de Leopoldstadt, Áustria, sendo considerado o fundador da terceira escola vienense de psicoterapia, chamada de logoterapia. Sua teoria tinha como maior sustentação a dramática experiência vivenciada por ele em quatro diferentes campos de concentração nazistas (Frankl era judeu), que fizeram ele tecer questionamentos sobre o motivo que, enquanto alguns de seus companheiros não tinham interesse em continuar aguentando as horríveis circunstâncias, outros faziam de tudo para que suas vidas fossem preservadas.

A teoria desenvolvida pelo psiquiatra consiste na defesa de que, por mais que não possamos escolher sob quais circunstâncias estamos inseridos, podemos definir como reagiremos diante de todas elas, tendo em vista que temos uma responsabilidade perante nós e perante a vida. Com isso, quando conseguimos encontrar um sentido para nossa existência, um propósito, temos uma motivação para viver e superar os labirintos e dificuldades que nos rodeiam.

Mas você, caro leitor, pode estar se perguntando algo como “Ok, mas o que isso tem a ver com o empreendedorismo?”. A resposta para essa pergunta é simples e objetiva: Tudo. Para aqueles que já empreenderam, conhecem algum empreendedor ou tentaram compreender um pouco mais sobre o empreendedorismo, torna-se visível que muitas vezes o empreendedor e seu empreendimento mesclam-se e, por vezes, até mesmo se confundem um com o outro. Daí se faz presente a necessidade de um propósito para o empreendimento, um objetivo maior do que os dividendos ao final do mês.

Pode-se perceber que geralmente as grandes empresas não começam pela simples ideia de começar um negócio e logo começar a faturar com ele, mas sim pela identificação de um problema e a vontade de resolve-lo, que geralmente é o propósito norteador da empresa. Todos nós sabemos que a vida de um empreendedor não é fácil, e existe uma jornada longa para se alcançar o sucesso. Igualmente complicado é se manter no topo perante as adversidades, após tê-lo alcançado.

Com isso, a existência de um propósito definido é, sem dúvidas, a maior forma de resistir a todas dificuldades. Nesse momento, aos poucos, a economia mundial está sendo retomada após uma das mais profundas crises da História, decorrente da pandemia desencadeada pelo novo coronavírus, na qual muitos empreendedores espalhados por todo o mundo viram seus sonhos se encerrarem ou, ao menos, serem interrompidos. Assim, torna-se importante relembrar dos ensinamentos de Frankl sobre a busca pelo sentido para que possamos nos agarrar a esse propósito e seguirmos firmes nessa dura batalha, afinal, devemos sempre nos perguntarmos “O que o mundo espera de mim?” ao invés do que “O que eu posso esperar do mundo?”.